Gigante

Anunciação, Leonardo DaVinci

Hoje foi um dia emocional. Mais do que as semanas anteriores, onde aprendo cada vez mais que sinto uma miríade grande de emoções, muitas das quais tenho pouco controle. Mas hoje foi mais. Mais ainda do que de alguns dias anteirores onde, cientificamente me afirmaram, que qualquer mamífero, independente do genero, é capaz de produzir leite para a cria em situações particulares. Descrente no começo, crendo depois de ler e pesquisar, e com uma pontinha  patológica de esperança de: ei! e se acontecer? Vai ser fenomenal! Há várias sensações que uma mãe (carregando um bebe) tem. Os chutes, os soluços, os outros chutes no fígado, os rodopios. Isso eu nunca vou saber efeitivamente o que é. Um tanto de sensibilidade e posso entender, mas sentir não. Meu grande riso autalmente é ver as caretas de sua mãe enquanto voce chuta. Entenda, não sou masoquista, mas que maravilha deve ser essa de ter um ser chutando dentro de voce? Eu gostaria de sentir isso sim. Entenda, não é algum tipo de ” inveja do utero ” ou qualquer projeção proto freudiana. É vontade pura e irrestrita de participar mais, de sentir mais.

Hoje fizemos mais um ultra-som e uma cardiotocograma.  Você é 3,125Kg dispostos em quase 40 cm de fofura e bico. O gigante que nasce dos pequerruchos. Quase uma historia de Game of  Thrones. Voce é gigante em amor. Voce é gigante em espaço na minha vida, folgado, me rouba a mulher e os cobertores, e eu nem me incomodo. Dou risada. Voce é gigante quando esperavamos um pequerrucho como nos dois. Voce é o gigante que ocupa o espaço mais confortável da alma.  Hoje tambem me lembrei de uma pessoa que certa vez disse ” você precisa ter um filho”. Sempre tomei essa frase como um ” precisa… precisa ser homem, precisa ser feliz, precisa mostrar  que…” . Não preciso nada. Eu na verdade quero. Mas voltando a querida pessoa que um dia me disse isso. – Você estava certa! Graças a você, Gabriel, que chuta as costelas de sua mãe, a mãe mais redonda e linda que jamais sonhei em dividir uma cama, eu percebi e fiz as pazes com vários demônios. Percebi o trabalho lindo, amoroso, fofo, paciente, este  trabalho de mestre que foi o dos meus pais a me criar. Fiz mesmo as pazes com isso. Voces, Pai e Mâe, tem sido fantásticos na vida de lidar com um criança mais sensivel do que esperada. Um gigante emocional. Voces fizeram um trabalho irrepreensivel e aqui é o que consigo falar de muito obrigado.

Muito Obrigado.

Hoje minha avo faleceu. Minha primeira frase a minha mãe logo cedo pelo telefone ainda dormindo : Ela não viu o Gabriel. Não viu , soube que você vinha, mas não viu esse particular arranjo de átomos que é voce, feito com os mesmos tipos de átomos de uma estrela (menos helio;… não sei se voce tem helio ai dentro). O Gigante feito de pó de estrelas. E é feito de coisas secretas e de dobrinhas nos olhos, e chutes e bocejos e vida. A barriga é só um jeito diferente dos atomos e agruparem e que só por isso diferem de um morango.  Você e um morango são feitos das mesmas coisas, mas o que fazemos depois disso é o que nos diferencia.

Gigante. Gigantesca coisa aqui dentro. A gente faz as pazes com o passado mas ainda leva alguns ressentimentos. Acho que vou pedir pra subir nos seus ombros para enxergar mais distante, meu jovem gigante de mármore. Estava incompleto sem você e sua mãe. Perdido. Hoje você já escuta musica na barriga. Hoje você me faz sorrir num dia de perda e nostalgias.

Gabriel eu te amo mesmo sem te conhecer e prometo te amar para o resto da sua vida. Desculpe os empurrões na barriga da sua mãe, mas minha inveja do útero é que faz isso. E é divertido.

E se eu der leite isso será um segredo secretissimo entre mim e você.

Tchau vó. Saudade dos bolinhos de chuva e banhos de esguicho e Lolos na saida da escola . Isso fica. O resto o Universo pede de volta.

 

 

 

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s